Dança

Chegar em um ambiente, qualquer que seja, é sempre um tanto desafiador. É preciso escuta, olhos abertos e pele porosa para entender, absorver e poder construir esse espaço de encontro.


Oi. Meu nome é Fernanda e eu sou a professora de dança que encontra as crianças da educação infantil toda quarta-feira. Fiquei pensando muito em como contar pra vocês o que é que a gente faz juntos.

Como a dança, uma arte do corpo, se faz presente na educação infantil? Para mim é, antes de tudo, um território muito vivo e fértil em todas as crianças. Elas experienciam e aprendem o mundo através de seus corpos. Como disse no primeiro parágrafo, a chegança é uma das partes mais desafiadoras. Independente da idade. Isso porque estamos falando de mudança. Entendendo isso, acho que consigo contar pra vocês o que é que está por trás, ou nas entrelinhas de cada encontro com as crianças.

Antes da pandemia, nossos encontros eram pensados em criar ambientes, experiências e vivências lúdicas - de repente suas mãos não são apenas mãos. São pincéis mágicos que mudam de cor se você assim acreditar. E assim, você pode pintar do chão ao teto. Da árvore ao céu. Encontros com objetivos de dar vazão à expressividade corporal inerente às crianças, desenvolver a noção de coletividade, reconhecer sensivelmente os limites individuais e coletivos e respeitá-los. Isso tudo para que pudéssemos nos conhecer através da arte. Tanto as crianças conhecerem a si e a outras crianças, quanto eu conhecê-las para entender suas necessidades coletivas e individuais, e elas a mim.



Com a realidade mais que nova - olha a mudança outra vez, uma constante - da pandemia, as atividades enviadas semanalmente foram pensadas - e aqui devo dizer que segue sendo um processo de aprendizagem e escuta - para serem uma transposição dessas vivências ao ambiente de casa e familiar, da forma mais simples possível. A percepção de que a mudança veio para todas as pessoas e sabendo que o processo de adaptação é sempre um tanto desafiador e território de descobertas, acredito que a ressignificação das coisas tenha sido o pano de fundo de todas as atividades enviadas.

Ressignificar nossas relações. Sejam elas interpessoais, com objetos, brincadeiras, o espaço que habitamos, ou nossa casa: o corpo.

Fernanda Toito

Professora de Dança - Wish School

0 visualização

Rua São Gil, 159 - Tatuapé, São Paulo  |  TEL: (11) 2659-0486        97692-9234

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon